4 dicas importantes sobre assentamento de piso

A estética e a funcionalidade de uma casa só podem ser garantidas se todos os processos que fazem parte da sua construção forem bem-feitos e tiverem qualidade assegurada. O assentamento de piso, por exemplo, deve ser feito com muito cuidado e atenção, para que ele seja econômico e seguro, evitando erros que tragam despesas, com as reformas, que são sempre mais caras que um serviço executado adequadamente de primeira.

dicas assentamento de piso

Como esse assunto pode trazer algumas dúvidas, fizemos esse post para esclarecer essas questões. Nele você encontrará 4 dicas essenciais para realizar um assentamento perfeito sem dores de cabeça. Então, para ficar por dentro desse assunto, leia nosso artigo com bastante atenção até o final. Vamos lá?

1. Escolha um piso de qualidade e uma argamassa adequada

Não é possível realizar um bom trabalho sem o uso de produtos corretos e com alta qualidade, e no caso do assentamento de piso isso não é diferente. É preciso, antes de tudo, escolher um revestimento de uma marca confiável e com o estilo que você deseja. A partir daí você deve pensar na argamassa certa.

Por exemplo, se o seu piso for de porcelanato e você utilizar a argamassa para cerâmica, é possível que problemas como o descolamento ocorram. Assim, você terá mais trabalhos e gastos com reposição e assentamento de novas peças. Portanto, escolha da maneira correta, pesquisando bastante.

2. Atente-se à espessura do rejunte

Apesar de, esteticamente, um rejunte mais fino e delicado ser mais agradável, nem sempre ele é possível. Isso porque alguns pisos realmente necessitam de uma espessura maior para evitar trincas e quebras. Caso seja seu desejo uma estética mais bem trabalhada, invista em porcelanatos retificados, que necessitam de um espaçamento menor entre as peças.

3. Respeite o tempo de secagem

Após o assentamento, é necessária uma janela de tempo de no mínimo 72 horas para que se possa andar sobre o piso ou aplicar o rejunte. Caso esse tempo de secagem não seja respeitado, o trabalho pode ser estragado, fazendo com que as peças se soltem ou trinquem.

4. Tenha as ferramentas necessárias para o serviço

Tão importante quanto os produtos usados e a capacitação técnica de quem for trabalhar, são as ferramentas que serão necessárias. Entre as mais importantes, podemos citar a cortadora de piso, martelos de borracha, esquadros e desempenadeira.

Como muitos desses equipamentos não são tão comuns e podem não ter uma longa utilidade, a sua compra não é uma ideia muito vantajosa. Portanto, uma boa alternativa nesse caso é alugá-los. Assim, você economiza, pagando apenas pelo preço que você realmente precisar, além de garantir que as ferramentas estarão em bom estado para o uso.

O assentamento de piso é um trabalho que deve ser realizado com cuidado, portanto, siga as dicas acima. Assim, você conseguirá ser econômico, sem precisar abrir mão de um bom trabalho, garantindo a sua satisfação.

Nosso texto com dicas para o assentamento de piso foi útil para você? Gostaria de tirar alguma dúvida ou obter mais informações sobre o assunto? Então entre em contato com a nossa empresa por meio da nossa ouvidoria, para que possamos dar toda a ajuda possível!